Arlete Menezes.


É manhã,
Pelas frestas, surge majestoso, penetra gostoso,
Meu corpo estremece,
Me beija em cada pedaço, nos lábios, braços,



Ah!!!... Nos peitos, pescoços, nas pernas,
Em cada fio de cabelo, me aquece,
Me envolve, me arrasa,
Penetra na minha pele,
Me queima como uma brasa... Me ama...


Percorre meu corpo
Acaricia, enrijece meus peitos
E fica ao meu lado.... Nua



Me debruço, viro, reviro,
Durmo aos embalos de seu canto,
E encantos...

Beijinhos

juniorypriscila@hotmail.com